truques – pasta de berinjela defumada (babaganuche)

Pasta de berinjela defumada ou babaganuche é uma receita árabe bem simples, ótima para ser servida como antepasto.

20110930-051105 PM.jpgIngredientes:

4 berinjelas;
1 dente de alho amassado;
1 cebola cortada em cubos pequenos;
1 colher de sopa de azeite de oliva;
sal e pimenta do reino a gosto;

Modo de fazer:

Lave as berinjelas, espete cada uma delas em um garfo e leve as mesmas à chama do fogão, girando-as até que fiquem macias por dentro e com a casca tostada por todos os lados.

20110930-051344 PM.jpgDeixe esfriar e coloque as berinjelas em água corrente para que saia a casca queimada. Caso haja necessidade, utilize delicadamente as mãos para tirar a casca. Retire a polpa com a ajuda de uma colher.

20110930-051559 PM.jpg

Amasse as berinjelas com um garfo e reserve. Em uma panela, adicione o azeite e refogue o alho e a cebola. Acrescente a berinjela, misture bem, acerte o sal e a pimenta. Está pronto !
20110930-051853 PM.jpg
Sirva com pão sírio, torradinhas, fatias de pão italiano cortadas bem finas e levemente tostadas no forno e com salada de folhas.
20110930-052031 PM.jpg

Bom apetite !

Camila

arroz com aletria

Tradicional prato da culinária árabe, o arroz com aletria nada mais é do que arroz com macarrão cabelo de anjo. É tão bom, mas tão bom, que dispensa qualquer acompanhamento.

Ingredientes:

2 xícaras de chá de arroz;

1 xícara de chá de aletria (macarrão cabelo de anjo);

1 colher de sopa de azeite;

2 colheres de sopa de manteiga;

o quanto baste de água para cozinhar o arroz;

sal e alho a gosto;

Modo de fazer:

Quebre o macarrão em pedaços pequenos com as mãos e refogue, em fogo médio, no azeite e na manteiga, mexendo sem parar, até que fique dourado escuro.

Acrescente o arroz e o alho e refogue. Adicione a água fervente e o sal, abaixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar como um arroz comum. Está pronto !

E aqui faço uma ressalva: não existe receita de arroz. Isso porque depende da panela usada, do tipo de arroz e do fogo de cada fogão. Assim, o sucesso da receita está ligado à muita prática, muito arroz empapado e muita ((( paciência ))).

arroz com aletria

A receita original é com arroz branco, mas ousei e fiz com arroz integral. E como o arroz integral demora mais para cozinhar, deixei pra colocar a aletria mais no final do cozimento e deu super certo.

Sirva acompanhado de tabule, coalhada síria, pasta de grão-de-bico, de berinjela, quibe e carnes.

simplicidade

Bom apetite !

Camila