ceia de natal

Já que quem é vivo sempre aparece, aqui estou eu para dar algumas sugestões de receitas vegetarianas para a sua ceia de natal.

Como eu disse no post da ceia de natal do ano passado, você não precisa fazer todas as receitas indicadas. Basta uma ou duas opções da entrada, prato principal e sobremesa para você, vegetariano, não passar fome na ceia de natal.

Vamos lá ?

20121211-051954 PM.jpg

Entradas

belisquete de cenourinha

melancia com balsâmico e manjericão

salada refrescante com molho pesto

salada de grão de bico

guacamole

berinjela ao forno

creme de legumes com queijo brie

sopa de lentilhas

20121211-052043 PM.jpg

Prato principal

arroz integral com lentilhas

arroz integral com abobrinha marinada

jambalaya de legumes

kitchari

moqueca de pupunha

tomates recheados com quinoa e ervas

farofa de banana

talharim de cenoura

achadinho de legumes

caril de batatas com sementes de gergelim

almôndegas de lentilha

legumes assados

falafel com molho de tomate

20121211-052107 PM.jpg

Sobremesa

muffin de framboesa

sorvete de banana

Bom apetite e feliz natal para todos vocês !

por aí – o que fazer com as sobras ?

Aqui em casa uma regra é clara: jamais desperdiçar comida. Além de tudo estar muito caro, a consciência não deixa que o arroz feito há apenas dois dias seja jogado fora, sendo que milhares de pessoas estão por aí passando fome.

Existem muitos truques e dicas para evitar o desperdício, tipo aproveitar o arroz “velho” e a verdurinha que sobrou do almoço para fazer um belo arroz de forno no jantar. Ou fazer do risoto dormido uma deliciosa tortinha assada ou mesmo bolinho de arroz. Você também pode utilizar a água onde cozinhou legumes e verduras para fazer sopas, molhos ou para cozinhar o arroz.

As opções são infinitas. Basta um pouco de imaginação ! Para ajudar, segue esse link com várias dicas de como evitar o desperdício de comida.

Boa sorte !

Camila

creme de batata com brie

Enfim chegou a época do ano que a gente se esbalda de tanta sopa. Sou suspeita para falar desse prato mais comfort food possível, pois sou capaz de tomar sopa o ano todo. E são tantas as opções, que dá para passar o inverno inteiro sem repetir uma receita.

Esta aprendi com uma amiga, que, por sua vez, viu no livro de receitas do Jamie Oliver. A única diferença é que substitui o mascarpone pelo brie. Caso não goste ou não tenha em casa queijo brie, substitua por ricota ou cream cheese. Fica igualmente delicioso !

20120504-144108.jpg

Ingredientes:

500 g batatas;

500 ml de água;

queijo brie a gosto;

2 colheres de café de ghee/manteiga;

1 dente de alho;

1 cebola pequena;

sal e pimenta do reino a gosto;

cebolinha a gosto;

Modo de fazer:

Em uma panela, junte o ghee/manteiga e refogue o alho picadinho, a cebola em pedaços pequenos e as batatas cortadas em cubos médios (coloquei com casca e tudo, já que usei batatas orgânicas).

20120504-144243.jpg

batatas cortadas em cubos médios

Acrescente a água, o sal, a pimenta, tampe parcialmente a panela e deixe cozinhar em fogo médio, até que as batatas fiquem bem macias.

Bata tudo no liquidificador, até obter um creme bem liso. Volte o creme para a panela e, se necessário, adicione mais água, caso esteja grosso. Se estiver ralo, deixe ferver por alguns minutos, até engrossar.

Por fim, acerte o sal e a pimenta e salpique a cebolinha. Na hora de servir, adicione os cubos de brie ao creme de batata.

20120504-144631.jpg

brie em cubinhos

Está pronto ! Sirva bem quente:

20120504-144732.jpg

creme de batata com queijo brie

Chama sopa, mas bem que poderia chamar “mãe liquida”, tamanho o conforto que causa.

20120504-144906.jpg

muito conforto

Bom apetite !

Camila

suflê de legumes

Na minha humilde opinião, o suflê de legumes é um dos grandes representantes da chamada “comfort food”, aquela comidinha que desperta sensações de bem-estar e prazer e que traz lembranças de um momento ou de alguém especial. Enfim, a comida que traz conforto e emoção.

Na casa da minha mãe sempre teve (e tem) suflê de legumes no almoço. Desconfio até que seja um dos melhores do mundo. É sério. Daí que acordei com vontade de “comidinha da casa da mãe” e resolvi fazer a receita do famoso suflê. Mudei tanto, que ele acabou ficando bem diferente, mas não menos gostoso.

Ingredientes:

2 cenouras;

2 batatas;

1 espiga de milho;

1 cebola;

1 dente de alho;

3 colheres de sopa de amido de milho;

1 colher de chá de fermento em pó;

2 colheres de sopa de ghee ou manteiga;

3 claras em neve;

3 gemas;

500 ml de água;

sal e pimenta a gosto;

Modo de fazer:

Cozinhe as batatas e as cenouras por cerca de 20-25 minutos ou até que estejam macias.

legumes

Separe o milho da espiga:

milho verde

Em uma panela, refogue o milho e a cebola em 1/2 colher de chá de ghee ou manteiga, até que fiquem dourados. Reserve.

milho verde refogado

Em um multiprocessador bata as batatas, as cenouras, a cebola, o alho, o ghee/manteiga, as gemas, a maizena, a água, o sal e a pimenta. Se necessário, adicione mais água. Reserve.

processando os ingredientes

Bata as claras em neve, acrescente o fermento e misture delicadamente:

clara em neve

Junte as claras em neve e o milho refogado à massa de legumes, misture e coloque para assar em fogo médio, por cerca de 30-40 minutos ou até dourar.

antes do forno

Está pronto !

depois do forno

Agora é só comer:

suflê de legumes

Conforto e emoção em um suflê de legumes:

leveza

Bom apetite !

Camila